sábado, 21 de novembro de 2009

BATALHA QUASE PERDIDA

COMISSÃO DA CÂMARA APROVA FIM DE
ANIMAIS EM CIRCOS
___________________________
Votação agora irá a plenário

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou na última terça-feira relatório do deputado Ricardo Tripoli (PSDB-SP) ao Projeto de Lei 7291/06, do Senado Federal, que acaba com possibilidade do uso de animais – tanto os da fauna brasileira quanto os chamados “animais exóticos” da África, como leões e elefantes - na atividade circense. "A aprovação do nosso relatório representa uma evolução na legislação brasileira, sobretudo para a defesa animal", comemorou Tripoli. O texto original da proposta instituía apenas o registro obrigatório dos animais. Após passar pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; e de Educação e Cultura da Câmara, no entanto, ganhou um substitutivo que proíbe a utilização de animais em circos no Brasil por um período de oito anos. O parecer de Tripoli na CCJ recomendou na íntegra a aprovação da determinação. O projeto agora seguirá para o plenário da Câmara.

2 comentários:

Edilberto disse...

Na minha o pinião,o governo foi totalmente errado,ao proibir animais em circos,pois deveria ter sido feito uma lei de regras que o circo deveria cumprir,regulamentado no códico penal ou juridico,por que o circo pagou para ter e manter estes animais,e támbem animais que não pertencem a fauna Brasileira, pra mim não são de responsabilidade Brasileira,eles deveriam só entrar nesta história no caso de malstratos abandono,acidente com o público,mas punir somente os que estão errando,autorizar somente os que tem condições de manter os animais,Muitos dissem que deve ser proibido porcausa da extinção,mas por que só no Brasil,em qualquer outro pais tem a utilisação de animais em circos,em touradas,elefantes na India que participam de rituais religiosos, os elefantes se sente pertubado é ataca as pessoas,no Brasil se custuma ver somente dois elefantes no picadeiro nos outros paises vemos 12 elefantes,como no Ringling Barnus e Bailey circus dos Estados Unidos,no méxico tem circo que tem mais animais que zoologico de interior,temos vários nomes de circos que usam mais de 45 animais em suas turnes-cirque Anchielle zavatta-Morelli circus-cirque Stephan Zavatta e muitos outros pelo mundo todo,sera que os animais dos outros circos não são tratados como os do Brasil,nunca teve causo de malstratos ou acidentes com os animais deles,o governo Brasileiro quer só mostrar que é um pais desenvolvido um pais de primeiro mundo mais qualquer um manda no pais,nem aproibição de entradas de armas e coisas ilegais conseguém manter sobre controle,qualquer Brasileiro é mau recebido nos outros paises por causa do governo,eles deveriam rever novamente antes de probir os animais...

Anônimo disse...

eu acho que o circo era um lugar onde as crianças e as pessoas podiam ir para rir e se emocionar,era um lugar de aprendizado para alguns e trabalho para outros,a lei tirou dos olhos das crianças a maior poesia da tradição circense que são os animais,afinal não se vê elefante,camelos,macacos etc... todos os dias.Os bons pagaram pelos maus e quem mais perdeu com isto foram as crianças e a tradição circense.meus pesames aos circos que cuidavam bem de seus animais.