quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Homenagem


4 ANOS SEM O
HOMEM DO CHAPÉU
HÁ EXATOS 4 ANOS, FALECIA EM SÃO PAULO O EMPRESÁRIO QUE REVOLUCIONOU A ARTE CIRCENSE. BETO CARRERO DEIXOU CENTENAS DE CIRCENSES E MILHARES DE FÃS TRISTES E ÓRFÃOS EM TODO O BRASIL. O BLOG CIRCO NEWS PRESTA AGORA UMA SINGELA HOMENAGEM AO NOSSO GRANDE HERÓI.

João Batista Sérgio Murad, o Beto Carrero, nasceu em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, no dia 9 de setembro de 1937. De família pobre, quando criança, sonhava em ser o “Zorro brasileiro” e trabalhar em um parque de diversões. Ele foi criado em uma fazenda onde o pai era empregado.
Neste período criou ligação com o mundo dos rodeios e caubóis. Murad aproveitou um apelido do pai Alexandre, "Carrero", adquirido por conduzir um carro de boi, e o adaptou primeiro ao seu nome, se intitulando Sergio Carreiro. Mais tarde trocou para Beto Carrero. Aos 18, chegou ao rádio com o "Programa do Beto Carrero", onde tocava música sertaneja e contava "causos" em dupla com Tino Santana, irmão de Dedé Santana. Autodidata como publicitário, Murad --ou Carrero-- gabava-se de ter lançado Regina Duarte como garota-propaganda. Sua agência, a JB World, chegou a ser a 19ª em termos de faturamento. Chegou a trabalhar na TV também, com "Os Trapalhões", e teve até um quadro fixo no programa "Domingo Legal", de Gugu Liberato. Em 28 de dezembro de 1991 inaugurou o Beto Carrero World, o maior parque temático da América Latina, no balneário de Penha, litoral norte de Santa Catarina.
O empresário faleceu aos 70 anos, na madrugada do dia 1º de fevereiro de 2008, vítima de endocardite infecciosa e choque cardiogênico. Carrero estava internado no Hospital Sírio-Libanês. Estava internado há dois dias e morreu no momento em que era submetido a um processo cirúrgico. Uma das últimas aparições de Beto Carrero foi no desfile da Lilica Riplica, no Fashion Rio, em janeiro, quando prestigiou sua sobrinha Antonia Murad na passarela.
Beto Carrero tinha dois filhos. Ele era dono de um dos maiores parques temáticos do mundo, o Beto Carrero World, e de cinco circos que rodavam o país inteiro. O empresário encarnava desde a década de 1970 o personagem do vaqueiro destemido, defensor dos animais. Beto Carrero participou de filmes ao lado de Renato Aragão e de Xuxa.




Nota do Blog: A morte de Beto Carrero mudou o cenário circense brasileiro. Centenas de artistas foram demitidos após o fechamento de seus circos. Todos ficaram órfãos. Dificilmente o Brasil terá um novo Beto Carrero; empresário sério, inteligente, capaz, carismático e principalmente apaixonado pelo que fazia.
Sentimos muitas saudades, Beto! Que você esteja em um belo lugar, preparando a grande estréia de um novo circo, em um mundo cheio de alegrias e fantasias, onde sonhos são realidades. Um mundo bem do jeitinho daquele que você sempre idealizou durante o espetáculo de sua vida aqui na Terra.

5 comentários:

Anônimo disse...

Beto carreiro, uma perda que todos os circense que trabalhou na sua empresa sente.

Anônimo disse...

GENTE, UM PEDIDO:
VAMOS VOTAR LA NO SITE DO SBT
NO BETO CARRERO COMO O MAIOR BRASILEIRO DE TODOS OS TEMPOS.
"Quem conhece sabe que ele merece este voto de todos nos" Valeu!

kinho Ramalho disse...

BETO CARRERO SEMPRE TERÁ SUA IMAGEM LIGADA AOS PICADEIROS DE GRANDES CIAs. UM EMPRESÁRIO RESPEITADO E APAIXONADO PELO MUNDO CIRCENSE. 4 ANOS DE SAUDADES E MUDANÇAS NA VIDA DE ARTISTAS QUE PASSARAM POR TEUS CIRCOS.

Anônimo disse...

Nesse país onde a gente tem vergonha dos donos de circo, Beto Carrero foi e sempre será um dos pouquíssimos q dignificaram a nossa arte! Espero q outros se espelhem nele!

Arieli Pontigo disse...

Beto Carrero deixa muitas saudades...Beto Carrero ele era muito simpático e sempre com um sorrizo em seu rosto, ele adorava bater fotos e foi um grande dono de circo..